Não tem que ser assim! Ser Sénior pode querer dizer: Sou Feliz!

Porquê Sénior? Porque valorizamos o significado da vida, da experiência vivida, da continuidade evolutiva, do desenvolvimento pessoal, constrastando com o conceito de fim da linha, de antigo, de velho, de predisposição para um fim anunciado pela idade, pelo Idoso.

Não tem que ser assim!

De facto não que ser uma fase triste, ou de sofrimento.

Na verdade sabemos que depois de uma certa idade as pessoas tendem a tornar-se menos responsivas, reduzem a atividade profissional, são menos participantes na sociedade. É  muito importante que tenham um bom plano B, de forma a reagir à adversidade que a propria monotonia,  angustia e  desmotivação promovem, nesta fase do desenvolvimento humano.

Existem ideias preconcebidas sobre esta fase da vida muitas vezes por se aceitar a regra do ” Ser Idoso”, Já não tenho idade para isso”, até parece mal para a minha idade“, “…não posso usar isto ou aquilojá não tenho idade para pensar nisso“… existem uma série de crenças cognitivas, umas mais disparatadas que outras, que no fundo são autênticas amarras psicológicas que podem arrastar as pessoas para a Solidão e para a Angústia. Que promovem os sentimentos negativos, as emoções negativas originadas pelos próprios  pensamentos …uns potenciam os outros.

Não tem que ser assim!

Podemos praticar desporto, podemos integrar grupos sociais, universidades séniores, cursos de formação, realizar passeios, falar, conviver, sair e acima de tudo não validar o JULGAMENTO SOCIAL…!

As estatisticas dizem-nos que após os 65 anos, uma em cada dez pessoas desenvolvem um quadro depressivo. Este, de forma geral, tende a ser mal compreendido pelos familiares, pelos técnicos de saúde e pela propria  rede social envolvente. No fundo não são valorizados os sintomas e, inclusivamente o próprio individuo, parece aceitar este quadro, como parte integrante do processo de envelhecimento, da vida, da tristeza de ser  Sénior, do ser Idoso.

Não tem que ser assim!

Somos todos responsáveis por planear o nosso proprio envelhecimento, dentro da medida do possível, preparando-nos para os imprevistos, para as inevitaveis doenças e para a quase inevitavel solidão. Mas podemos ter um Plano B, um projeto para cada uma dessas situações, aceitando o que a vida nos tem para oferecer, nunca esquecendo a importância da Plasticidade Comportamental e a nossa capacidade de adaptação às mais variadas situações. Os planos e projetos devem ser realizados a curto prazo, pois na verdade ninguém advinha a sua longevidade, nem tem controlo nos acontecimentos e eventuais  “surpresas”.

Todos teremos certamente a consciência, que existem comportamentos a adoptar que podem minimizar eventos nefastos, ao nivel fisico, e porque não trabalhar na mesma linha , ao nivel psicológico e da saúde mental?

Não tem que ser assim!

Muitas vezes, nesta faixa etária, as pessoas andam verdadeiramente angustiadas e deprimidas e a Apatia e  Desmotivação ocupam as suas vidas, tornando-as completamente inativas e pouco responsivas às tarefas do seu quotidiano.

Não tem que ser assim!

Ter mais idade, quer dizer ser mais experiente e pode não querer dizer ser mais sedentário. A escolha é sua!!!!

Não tem que ser assim!

As dores musculares e esqueléticas não devem ocupar o nosso repertório justificativo para nos mantermos sedentarios, os netos, a familia, o almoço, o jantar, o mercado, as vizinhas, o parece mal e o parece bem…são amarras! Deixe-os de lado, salte cá para dentro da VIDA ……outra vez!

Não tem que ser assim….ser Sénior pode querer dizer: SOU FELIZ!

 

Dedico este artigo a todos os meus alunos da Universidade Sénior de Setúbal – UNISETI.

Bem Hajam!

 

Maria João Ferro

Docente da Universidade Sénior de Setúbal – Uniseti

Psicologa do Corpo de Voluntariado da LHSBS

Consulta de Psicologia e Terapia Cognitivo-Comportamental

 

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão /  Alterar )

Google photo

Está a comentar usando a sua conta Google Terminar Sessão /  Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão /  Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão /  Alterar )

Connecting to %s